Agradecimento ao Cónego João Aguiar Campos | Diocese Bragança-Miranda

1949-2023
 
«Uma das obrigações da comunicação social da Igreja é ser uma agência de sentido, é dizer que, mesmo o sepulcro onde foi enterrado Nosso Senhor é diferente se o virmos de dentro para fora. Se o virmos de dentro para fora encontramos a Ressurreição. Se o virmos de fora para dentro só encontramos o escuro de morte. E fazer das coisas e dos acontecimentos, e das dores dos acontecimentos uma leitura crente, é necessariamente a nossa obrigação, o nosso papel, a nossa marca distintiva. Se deitarmos as mãos à cabeça e dissermos que não temos esperança, estamos a contrariar aquilo que é a nossa obrigação».
 
Estas palavras do estimado Cónego João Aguiar (ao lado de D. José Cordeiro) proferidas em 2015, na Casa Episcopal de Bragança-Miranda, no âmbito de uma formação para profissionais da comunicação social, permanecem no tempo.
 
O Secretariado das Comunicações Sociais da Diocese vacante de Bragança-Miranda agradece os seus ensinamentos e os contributos para o desenvolvimento das comunicações da Igreja neste território do nordeste transmontano.
 
Paz à sua alma!