Renúncia/Esmola Quaresmal | Diocese Bragança-Miranda

Estimados Párocos, Diáconos e Diocesanos,

 

A Quaresma é o tempo do ano litúrgico em que nos preparamos para viver  - com Fé, Esperança e Amor -  a Paixão e a Cruz, a fim de chegarmos à Ressurreição.

A meta da Quaresma é a Páscoa. Não haverá Páscoa sem Quaresma e esta é descabida e não fará sentido sem a Páscoa.

Neste ano 2023, o Papa Francisco convida-nos a uma "ascese quaresmal" a fim de podermos viver e celebrar a alegria de ressuscitados.

Os tradicionais meios de penitência em ordem à conversão pessoal, e que podem ter múltiplas expressões, são a oração, a esmola e o jejum. Por conseguinte, durante o tempo quaresmal, procuramos que a nossa oração seja mais intensa e a nossa caridade mais diligente.

Conforme está preceituado a renúncia/esmola quaresmal (abstinência de alimento ou algo de que por penitência nos privamos e convertemos em esmola a favor de determinadas carências) é atribuída em partes iguais, em todas as dioceses, a uma necessidade interna e a uma instituição externa de caridade ou bem-fazer.

Ouvidos os órgãos próprios, foi parecer comum que na Diocese de Bragança-Miranda o resultado da Renúncia Quaresmal do ano 2023, normalmente recolhida no Domingo de Ramos, seja destinada à Casa Pastoral Aberta a Todos (2.ª Fase) e à Cáritas da Síria, destruída pela guerra e assolada pelo sismo que recentemente a abalou.

Os reverendos Párocos encaminharão com a brevidade possível o donativo das respectivas comunidades, destinados aos fins da Renúncia Quaresmal para o ano em curso.

Votos de Santa e Frutuosa Quaresma no "Amor que Transforma".

 

Bragança, 6 de março de 2023.

 

O Administrador Diocesano