Mensagem de D. José Cordeiro para o tempo da Quaresma-Páscoa | Diocese Bragança-Miranda